Normas para resumo expandido/ abstract guidelines (expanded version)

Link para download de modelo de resumo simples: http://bit.do/resumo-expandido

  • Resumos expandidos devem ser oriundos de projetos de pesquisa, extensão ou revisão bibliográfica. 
  • Os resumos poderão ser escritos em português, inglês ou espanhol. 
  • Os resumos devem obrigatoriamente se enquadrar em um dos quatro eixos temáticos do evento:
    1. Etnoentomologia: Ecologia, História e Saberes Tradicionais sobre Insetos Alimentícios.
    2. Entomocultura e Tecnologias: Aspectos da Produção, Manejo, Ambiência e Processamento de Insetos, Produção em Escala Industrial, Biotecnologias Associadas.
    3. Alimentos e Alimentação: Qualidade e Composição dos Insetos, Produtos Alimentícios, Armazenamento e Conservação, Uso de Insetos na Alimentação Animal e Humana.
    4. Mercado e Legislação: Segurança Alimentar, Aspectos Mercadológicos, Aspectos Regulatórios.
  • Não serão aceitos trabalhos já publicados anteriormente. 

Instruções para resumos expandidos:

  • O arquivo deve estar no formato .doc (Word) do pacote Office 97-2003 ou posterior.
  • O texto deve ser escrito usando a fonte Times New Roman 12 e espaçamento simples entre linhas. 
  • As páginas devem estar no formato A4, com as seguintes margens: acima 3 cm, abaixo 2 cm, à esquerda 2,5 cm e à direita 2,5 cm. 
  • O texto deve ser formatado em uma única coluna. 
  • O texto, incluindo figuras, tabelas, fórmulas e referências, deve ser no mínimo três e no máximo cinco páginas.
  • O título deve conter no máximo 150 caracteres sem espaço, em Times New Roman 12, negrito, centralizado, com letras maiúsculas e itálico para termos taxonômicos. Deixe uma linha de espaço antes do nome dos autores. 
  • Os nomes dos autores deverão ser escritos por extenso em Times New Roman 12, justificado. Indicar a intuição de filiação de cada co-autor usando número sobrescrito após o nome. Marque o autor correspondente com um asterisco. (ex.: Eraldo Medeiros Costa Neto1* e Francisco José Bezerra Souto2.) Deixe uma linha de espaço entre o nome dos autores e das Instituições. 
  • O endereço dos autores deve ser escrito em Times New Roman 9, justificado. Indique o e-mail do autor correspondente. 
  • Em seguida, escrever o resumo e as palavras-chave (mínimo de três e máximo de seis, em ordem alfabética). Para o corpo do texto, deixe uma linha de espaço e comece o parágrafo sem margem. 
  • A seguinte estrutura de seções é sugerida para a elaboração dos resumos expandidos:
  1. Introdução: 
  2. Objetivos
  3. Material e Métodos 
  4. Resultados e Discussão
  5. Conclusões
  6. Agradecimentos
  7. Referências bibliográficas. 
  • Os nomes científicos deverão ser formatados em itálico, seguindo as regras do Código de Nomenclatura Internacional. 
  • Agradecimentos a colaboradores ou agências financiadoras são opcionais: deixe uma linha após as conclusões para essa citação.
  • Observação: Apenas serão aceitos trabalhos que forem devidamente aprovados por órgãos que chancelam as condutas de pesquisas que envolvem animais, seres humanos e/ou conhecimento tradicional associado ao patrimônio genético.
  • Tabelas, Figuras e Equações: devem ser numeradas sequencialmente e chamadas antes de sua inclusão no texto (ex: Fig. 1, Tab. 1, Eq. 1). Nas tabelas, o título deve ser inserido na sua parte superior. Nas figuras, as legendas (ou fonte) devem ser inseridas na sua parte inferior. Nas equações, a numeração deve ser apresentada, entre parênteses, na margem direita da equação.
  • Citações e Referências: as citações no texto devem ser feitas da seguinte forma: 
  1. um autor: Sano (2010); 
  2. dois autores: Sano e Chaves (2010);
  3. três ou mais autores: Sano et al. (2010). 
  4. As referências devem ser completas e uniformes. Elas devem ser escritas em Times New Roman 12 e separadas por espaçamento simples entre linhas. 
  • Exemplos de referências são apresentados a seguir:

Artigo em periódico

VICENTE-SERRANO, S.M.; PÉREZ-CABELLO, F.; LASANTA, T. Assessment of radiometric correction techniques in analyzing vegetation variability and change using time series of LANDSAT images. Remote Sensing of Environment, v.112, p.3916-3934, 2008.

Livro

JENSEN, J.R. Sensoriamento remoto do ambiente: uma perspectiva em recursos terrestres. São José dos Campos: Parêntese, 2009. 604p.

Capítulo de Livro

RIBEIRO, J.F.; WALTER, B.M.T. As principais fitofisionomias do bioma Cerrado. In: SANO, S.M.; ALMEIDA, S.P.; RIBEIRO, J.F. (Eds.). Cerrado: Ecologia e Flora. Planaltina: Embrapa Cerrados; Brasília: Embrapa Informação Tecnológica, v.1, 408p., 2008.

Dissertação/Tese

ANDAHUR, J.P. Florestas e questões de gestão ambiental na bacia do rio Paraná. 2001. 71f. Dissertação de Mestrado. Departamento de Engenharia Florestal, Universidade de Brasília, Brasília, 2001.

Eventos

HERMUCHE, P.M.; FERREIRA, N.C.; SANO, E.E. Proposta metodológica para elaboração de mapa de tendência de uso da terra no Vão do Paranã, Goiás, baseada em condicionantes ambientais e sócio-econômicos. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 14. Natal, RN. Anais..., São José dos Campos: INPE, p.5873-5880, 2009.

Relatório Técnico

BRASIL. Ministério de Minas e Energia. Projeto RADAMBRASIL. Folha SD. 23 Brasília; geologia, geomorfologia, pedologia, vegetação e uso potencial da terra. Rio de Janeiro, 1982, 660p., 5 mapas (Levantamento de Recursos Naturais, 29).

Internet

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Cidades. Censo Agropecuário 2005. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/cidadesat/default.php>. Acesso em: 1 de janeiro. 2019.